Seguidores

quinta-feira, 10 de outubro de 2013

FAÇA-SE EM MIM SEGUNDO A VOSSA VONTADE...

FAÇA-SE EM MIM SEGUNDO A VOSSA VONTADE... 





Eu me abandono, Senhor, nas Tuas mãos...
Modela este barro, como faz o oleiro!
Dá-lhe forma e depois, se quiseres, esmaga-a...
Como foi esmagada a vida de João, meu irmão!
Ordena o que queres que eu faça...
...E o que queres que não faça!
Elogiado ou humilhado, perseguido, incompreendido e caluniado...
Consolado ou magoado, inútil para tudo...
Só me resta dizer, a exemplo de Tua Mãe:
"FAÇA-SE EM MIM, SEGUNDO A TUA PALAVRA"...
Dá-me o Amor por excelência,
O Amor à Cruz...
As cruzes de cada dia, que se encontram na contradição,
No esquecimento, no fracasso, nos juízos errados,
E NA INDIFERENÇA...
Na rejeição e no menosprezo dos outros,
No mal estar e na doença,
Nas limitações, na secura e no silêncio do coração.
Em Tuas Mãos eu entrego a minha vida,
Eu me abandono inteiramente a Ti,
Que se cumpra em mim a Tua Vontade...
Então, Senhor, saberás que TE AMO!
E isso me basta! 
Amém.

Até breve
CM

1 comentário:

  1. Uma bela declaração de amor. Todos os apaixonados deveriam conhecer!

    ResponderEliminar

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.