Seguidores

terça-feira, 18 de junho de 2013

CLARIDADE

Claridade
 

Senhor,
mais uma vez estamos a viver
uma profunda intimidade.
Cada um de nós viu a sua vida
maravilhosamente invadida pela Tua vida.
Vivemos agora
a aventura da Tua vida na nossa existência,
da Tua força na nossa fraqueza,
do Teu vigor na nossa debilidade.
A Tua luz penetrou nos caminhos do meu ser.
Tu és a luz da minha caminhada.
Tenho a certeza, Senhor, tenho a certeza
de que somente na Tua luz
poderei construir jubilosamente a minha vida.
Sei que Tu vives na luz
e quiseste-nos dar um pouco dessa luz.

Mas, infelizmente,
pela nossa parte tudo são trevas.
Senhor, a humanidade parece gostar
de caminhar nas trevas.
Parece gostar de andar ás cegas,
de olhos vendados. Não quer ver.
Este é também o meu pecado:
muitas vezes não quero ver.
Tenho medo que, ao examinar a minha vida,
me veja obrigado a mudar.
Eu Te suplico, Senhor, abre os meus olhos!
Neste momento de sinceridade, tenho a certeza,
Senhor, tenho a certeza de que quero ver.
Deixa que a Tua luz penetre agora
nas trevas da minha vida.
Luz. Claridade. Resplendor. Luz que cega.
Claridade transparente. Clarão iluminante!
Eu quero ver, Senhor, eu quero ver!
Ámen.

Até breve
CM

Sem comentários:

Publicar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.